Formação

A formação profissional é normalmente descuidada pelas empresas em Portugal. A legislação Portuguesa prevê a obrigação do mínimo de 35 horas anuais/por colaborador para pelo menos de 10% do quadro de colaboradores. A aplicabilidade desta legislação é normalmente considerada pela maioria dos empresários como um custo em vez dum benefício.

Na realidade, aquilo que é visto como um custo é efectivamente um benefício. Se pararmos para pensar, um colaborador mais bem preparado consegue contornar mais facilmente os obstáculos, no contexto prossfissional, encontrando soluções mais facilmente, reduzindo custos e até aumentando os rendimentos.

“se tiver a tarefa de cortar uma árvore em oito horas prefiro passar as primeiras seis a afiar o meu machado”.
Abraham Lincon

Veja as nossas formações disponiveis ou peça mais informação aqui.